sexta-feira, 27 de abril de 2012

quinta-feira, 26 de abril de 2012

25 de Abril

abril  liberdade cravos democracia sociedade luta paz solidariedade  revolução  mudança
O 25 de abril
É o dia da liberdade,
Aqui toda a gente o comemora
Com muita felicidade.

Antes da revolução
Vivia-se em ditadura
Se alguém fosse contra do governo
Teria uma vida dura.

Não havia liberdade
De falar, cantar e  escrever
A polícia estava atenta
E até nos podia prender.

Mas com o 25 de abril
Chegou a revolução
O povo juntou-se ao exército
E foi uma grande emoção.

A ditadura acabou
Por causa dos soldados bravos
Em vez de dispsrarem balas
Nãs armas pousaram cravos!!!

Maria Machado PC4C

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Dia Mundial do Livro.

A UNESCO instituiu em 1995 que a 23 de Abril se celebre o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor.


A turma PC3CD respondeu á questão: O que é um livro?
Um livro é um amigo que nos ensina, que nos deixa entrar na imaginação, é com ele que aprendemos; é com ele que nos sentimos bem. Um livro é muito importante, pois lá dentro é um país mágico onde podemos fazer tudo. É nos livros que a nossa criatividade desenvolve. Eu adoro os livros porque neles aprendemos e tiramos informações importantes!
Rita PC3D
Para mim um livro é como um professor que está sempre ao meu lado a ensinar-me. É uma fonte de aprendizagem e curiosidade para todos nós, até mesmo para os adultos. Um livro é uma lição de vida. Um livro deixa-nos entrar no mundo da fantasia. Quem lê um livro sonha acordado. Por isso, o livro deve ser algo a conservar.
Mariana Duarte PC3D

 Um livro é uma história para nós à noite sonharmos. Um livro é um mundo cheio de imaginação. O livro está sempre a ensinar-nos. O livro é um mundo mágico.
José Fajardo PC3D
Para mim um livro é onde podemos entrar no mundo da fantasia, encontramos novos amigos, animais, plantas, corremos, saltamos, voamos…O livro é um amigo onde podemos estar sempre com ele!
Pedro PC3D
Um livro é uma história de encantar onde podemos sonhar, brincar, cantar…
Ao ler um livro, podemos desenvolver a nossa imaginação e criar histórias vindas do coração. Também aprendemos com ele porque está cheio de informação e ao lê-lo é uma grande emoção. Eu adoro livros!
Diogo José PC3D

Alteração de datas

Devido ás condições meteorológicas que estão previstas para o dia 28 de abril, a 6ª Caminhada Entreparedes fica adiada para o dia 19 de maio.

domingo, 22 de abril de 2012

Oficina de ilustração






O trabalho foi realizado, mais uma vez, em parceria com a Escola Secundária de Paredes e os “Monitores por um dia” foram os alunos do 1º e 2º ano do curso profissional de técnico de Design Gráfico da escola artística e profissional Árvore.
Os ilustradores foram as turmas do 4º ano da EB1/JI de Paredes.

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Inscrições abertas para o ensino articulado da dança na Academia de Dança do Vale do Sousa:



Parabéns  pela excelente demonstração de dança que nos apresentaram.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Joaninha, voa, voa...


Já andam no ar
Os vestidos delas
As bolinhas pretas
Não fazem mal, estes
Insectos tão bonitos
Nas mãos poisam.
Há muitas no jardim
À  volta das flores.

Vão enfeitar
Os campos e dar
Alegria à natureza.

Vão-se juntar a
Ooutros animais amigos
Às lindas Bolboletas!
Acróstico colectivo do PC1C

sexta-feira, 13 de abril de 2012

terça-feira, 10 de abril de 2012

Reuniões de Pais


Entrega dos registos de avaliação: 
dia 12 de abril a partir das 17h30m.

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Os Pinguins

Excelente trabalho de pesquisa e apresentação aos outros colegas do 3º ano, feito pelos alunos da sala 2 do Jardim de Infancia, com a ajuda e orientação da professora Mª José Merino.
Pedindo desculpa pelo atraso na publicação, aqui fica, com PARABÉNS em letra maiuscula.

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Cidadania


Apesar de ser artigo de abertura do Jornal Ideia Frescas não podemos deixar de publicar aqui este texto, com os nossos parabéns pelo excelente exercício de cidadania!

CIDADANIA
Surgido no reino de Castela em meados do século XIV, o termo, e cargo, de ouvidor alargou-se posteriormente a todos os reinos da Península Ibérica e respetivas possessões de África e América até finais do século XIX na sua conceção inicial: o ouvidor ouvia, não só o rei como os seus súbditos, comportando-se como um intermediário entre eles e tomando, muitas vezes até, decisões em nome do rei. Cada ouvidor tinha a sua jurisdição e a sua área ou território de atuação.
O termo manteve-se até hoje. Mas, de certa forma, inverteu-se o seu sentido: hoje o ouvidor – ou provedor como é mais conhecido em Portugal – tem como função receber críticas, sugestões ou reclamações e deve agir em defesa, sempre imparcial, da comunidade que representa – a sua ouvidoria.
A Associação de Pais e Encarregados de Educação numa escola é a sua ouvidoria. Mas talvez não só; aliás é mesmo bastante mais do que isso.
Num Centro Escolar como o nosso, em que os seus membros são eleitos anualmente em assembleia geral e trabalham por amor à camisola:
1.  é parte diretamente interessada: a comunidade que representa são os seus filhos e educandos; e não há ninguém que mais aguerridamente defenda os seus filhos do que os seus pais. Logo é a parte que ouve as reclamações (algumas nem sempre justas, diga-se em abono da verdade) por parte dos pais e educadores e tenta dar-lhes o mais adequado encaminhamento;
2.  é a parte imparcial: ouve os coordenadores, professores e assistentes operacionais da escola, com quem direta e diariamente pedagogicamente interagem, sugerindo, quiçá, eventuais hipóteses de solução de conflitos ou divergências que sempre surgem;
3.  é a parte operacional: ouve o Agrupamento e a Autarquia, dos quais diretamente depende, igualmente opinando, ou reclamando, sobre possíveis soluções no sentido de melhorar a escola;
4.  é a parte de apoio logístico: ouve e concretiza os pedidos de apoio da escola, quando, sempre e se possível, na aquisição de material considerado, pelas partes responsáveis, necessário, bem assim como comparticipando monetariamente nas visitas de estudo;
5.  é a parte lúdico-pedagógica: ouve e sente o pulsar da escola no sentido de organizar atividades que congregam a comunidade, quer em exposições, feiras, festas ou outros eventos similares e considerados adequados.
Tive a rara oportunidade de participar na génese da Associação de Pais e Encarregados de Educação desta Escola EB1/JI de Paredes. Comigo um excelso grupo de pais que, coincidentemente ou não, também são docentes. Isso, aliás, permitir-me-ia acrescentar um sexto ponto à listagem acima – o de conhecerem uma escola por dentro – o que me permitiu ouvir uma outra dimensão da escola, a endógena, difícil de o fazer não tendo sido dessa forma.
Por isso sinto-me extremamente orgulhoso por a Associação aí estar, a atuar.
E vós, pais e encarregados de educação dos alunos do Centro Escolar de Paredes, podem ter a mais cristalina das certezas de que um dos maiores – se não o maior – atos de cidadania que podem, e devem, praticar é de colaborarem com a Associação: ela é de todos, por todos e para todos.
Pais e Encarregados de Educação do Centro Escolar de Paredes: há que arregaçar as mangas e colaborar. Cidadania é isso.

Emídio Gardé
Fundador e ex-presidente da direção da
Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola EB1/JI de Paredes

terça-feira, 3 de abril de 2012

Jornal do AVEP

Já pode ser consultado no  link que se segue o jornal Ideias Frescas do Agrupamento de Escolas de Paredes, número de Março.

domingo, 1 de abril de 2012

O que está?


O que está na mesa?
Uma bonita surpresa.
O que está na mão?
Um grande cão.
O que está na balança?
Uma pulga mansa.
Onde está o osso?
Está à beira do poço.
Onde está a mala?
Está no meio da sala.
Onde está o pão?
Está na mão do anão.
Juliana - PC1B

O que está na mesa ?
Uma grande surpresa.
O que está na sala?
Uma  bonita mala .
O que está no mar?
Um barco a balançar.
O que está na mão?
Um belo balão.
Onde está o osso?
À beira do almoço.
O que está no rio?
O tio cheiinho de frio.
Eduarda  PC1B

O que está na  escola?
Um menino com sacola .
O que está no anel?
Uma jóia de papel.
O que está no ar?
Um pássaro a voar.
O que está na camioneta?
Um menino a comer faneca.
O que está no avião?
Um grande balão.
O que está na cadeira?
Uma bonita lancheira.
Sofia Sampaio PC1B


Cidadania